Bill Gates fez uma parceria multibilionária com Mark Zuckerberg para formar um grupo que tem como objetivo gerar energia limpa

Bill Gates lançou uma iniciativa multibilionária para financiar novas tecnologias de energia limpa, com auxílio de Mark Zuckerberg do Facebook, Alibaba CEO Jack Ma, e Richard Branson da Virgin Group entre a banda de quase 30 investidores com alto poder aquisitivo. Todos se comprometeram a não medir esforços para reduzir o custo da energia sustentável uma vez por todas.

Essa decisão foi anunciada na Conferência de Mudança Climática 2015 das Nações Unidas em Paris. Esse grupo que se dispôs a essa ação, reúne governos e universidades, empresários bilionários, gestores de fundos de investimentos e CEOs de tecnologia de todo o mundo que reconhecem o enorme investimento necessário para atingir a tão sonhada energia sustentável.

O mundo esperava estar usando 50% a mais de energia em 2050 do que hoje. Disse Gates em seu blog: “Estou otimista de que podemos inventar as ferramentas que precisamos para gerar essa energia limpa a preços acessíveis. Tenho a expectativa de que vai ajudar aos mais pobres a melhorar suas vidas e também será um forte aliado na mudança climática. Eu espero ainda mais que os governos e os investidores se juntem a nós.”

Embora a intenção da iniciativa soa nobre, não atraiu bilhões de dólares em investimentos apenas porque se destina a atenuar os efeitos das alterações climáticas e trazer energia para o 1 bilhão de pessoas no mundo que vivem sem eletricidade. Gates diz que o principal objetivo dessa Ação, é tanto para acelerar o progresso em energia limpa, quanto para gerar lucro ao grupo de investidores.

Os recursos serão investidos em inovações mais promissoras de instituições de pesquisa ao redor do mundo que poderão demonstrar avanços sobre os níveis de eficiência atuais em energia solar, eólica, hídrica e tecnologias de biocombustíveis. Basicamente, os pesquisadores têm feito um grande trabalho até este ponto. Mas, a fim de tornar estas tecnologias competitivas de verdade, com a produção de energia à base de carbono, eles precisam de muito investimento financeiro.

“As tecnologias renováveis ​​que temos hoje, como a eólica e a solar, fez um monte de progresso e poderia ser um caminho para um futuro de energia carbono-zero Mas, dada a dimensão do desafio, precisamos explorar muitos caminhos diferentes – e isso significa que nós também precisamos inventar novas abordagens “, disse Gates em um comunicado.

Mark Zuckerberg, em um post no Facebook, afirmou: “Progressos para um sistema energético sustentável são lentos. E o sistema atual não incentiva o tipo de inovação que estamos propondo para atingirmos o resultado mais rápido. Nós iremos investir em energia renovável e limpa para aumentar nossos lucros, mas também acreditamos que a construção de um futuro positivo para a próxima geração depende também desse tipo de ação e investimento.”

De acordo com a CNN, o fundo anunciou que irá focar toda a sua atenção na nova tecnologia que aborda cinco áreas principais: geração de energia elétrica e de armazenamento, transporte, usos industriais, agricultura e grande eficácia. Tanto Gates quanto Zuckerberg, se mostraram bem animados com a divulgação dessa ação. Embora seja também para que aumentem seu patrimônio, se o planeta ganha com isso, todos nós ganhamos. SA

Fundador e dono de todos os projetos da Climatologia Geográfica e Novo Cientista e redator/social media nos dois sites. Adoro viajar pelo mundo e desfrutar da natureza. Adicionem o perfil pessoal: https://www.facebook.com/IsaiasMarquesJunior

Comentários