Em fotos: Confira aranhas que se alimentam de peixes

Originalmente por Megan Gannon | LiveScience

Um estudo científico descobriu que em quase todo continente (exceto a Antártida) existem aranhas que se escondem próximas a lagoas, pântanos e rios para se alimentar de peixes. Na imagem abaixo, é possível observar uma aranha, provavelmente da espécie Ancylometes rufus, atacando um bagre na reserva de Cuyabeno, no Equador.

Créditos: Craig Harrison, Hertford, UK; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Essa outra aranha, da espécie Dolomedes facetus, que pode correr sobre a água, foi fotografada atacando um peixe do gênero Xiphophorus, em um jardim próximo de Brisbane, na Austrália.

Créditos: Peter Liley, Moffat Beach, Queensland; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Essa Dolomedes triton foi fotografada alimentando-se do que parece ser um peixe da espécie Gambusia holbrooki, conhecido também como “peixe-mosquito”. A foto foi tirado em uma lagoa de jardim próxima a Lady Lake, na Flórida-EUA.

Créditos: Machele White, Lady Lake, Florida; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Na foto abaixo, observamos uma aranha da espécie Dolomedes okefinokensis devorando também o que parece ser um peixe-mosquito, em um pântano localizado na Reserva Natural Big Cypress, na Flórida.

Créditos: Misti Little, Stagecoach, Texas; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Outra Dolomedes triton devorando um peixe em uma pequena correnteza localizada em Fayetteville, na Carolina do Norte.

Créditos: Patrick Randall, Fort Bragg, North Carolina; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Um macho adulto do gênero Ancylometes (provavelmente um Ancylometes rufus), capturando um pequeno peixe também na Reserva de Cuyabeno, no Equador.

Créditos: Ed Germain, Sydney, Australia; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Abaixo, uma aranha da família Ctenidae, famosas caçadoras noturnas, capturando um peixe próximo ao Rio Tahuayo, no Peru.

Créditos: Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Na próxima foto, podemos observar uma aranha do gênero Trechalea capturando seu jantar em Quebrada Valencia, na Colômbia.

Créditos: Juan Esteban Arias A., Cali, Colombia; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

Essa aranha, a última de nossa galeria, foi localizada em solo brasileiro, nas margens do Rio Maicuru, no Pará.

Créditos: Jacques Jangoux, Belem, Brazil; Nyffeler, et al. PLoS ONE 9(6): e99459. doi:10.1371/journal.pone.0099459

 

Fundador e dono de todos os projetos da Climatologia Geográfica e Novo Cientista e redator/social media nos dois sites. Adoro viajar pelo mundo e desfrutar da natureza. Adicionem o perfil pessoal: https://www.facebook.com/IsaiasMarquesJunior

Comentários