Sequência de tornados atinge o Brasil em menos de 24h

Algumas nuvens de tempestade se fortaleceram entre a tarde e a noite desta quinta-feira em parte do Brasil, em especial sobre os estados do Amazonas, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.
No Centro-Sul, em maior quantidade, as tormentas também vieram acompanhadas de granizo, muitos raios e fortes rajadas de vento, o que é totalmente comum agora na primavera. A maior rajada máxima de vento aferida por estação oficial do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) foi verificada no município de Soledade, no centro-norte gaúcho, onde a Defesa Civil também contabilizou danos.
Os eventos de destaque desta quinta-feira, no entanto, foram os danos causados pela passagem de três tornados. O mais devastador atingiu o interior do município de Chapecó, no oeste de Santa Catarina, onde construções inteiras foram demolidas em questão de segundos pelo funil de ventos. [De Olho no tempo].

1

2

Treze Tílias, já no meio-oeste, outro tornado avançou sobre o perímetro urbano destelhando construções e derrubando árvores.

MONITORE O TEMPO NO BRASIL E A SITUAÇÃO ATMOSFÉRICA DE TODO O PLANETA AQUI

E no oeste do Paraná, em Marechal Cândido Rondon, um terceiro tornado destruiu parte da cidade deixando mais de 10 pessoas feridas, segundo informações do Corpo de Bombeiros.

1

2

3

4

https://www.youtube.com/watch?v=-GcIGIZwjso

(Crédito dos vídeos: Carlitos Salazar/Treze Tílias, SC – Gustavo Fossá – Edson Triches – Gerson Cardoso – Maik Igoan Tigrinho – Internautas via Aqui Agora.net – Júnior Pereira/PRF)

(Crédito da imagem: Caroline Ferreira – Isabel Malheiros/RBS – Bia Piva/Fabrício Lessa/RedeComSC – Reprodução/Aqui Agora/net – William Bender – Reprodução/Portal Rondon – Reprodução/CGN)

Fundador e dono de todos os projetos da Climatologia Geográfica e Novo Cientista e redator/social media nos dois sites. Adoro viajar pelo mundo e desfrutar da natureza. Adicionem o perfil pessoal: https://www.facebook.com/IsaiasMarquesJunior

Comentários