English EN Português PT Español ES

Vídeo mostra a emissão de radiação do urânio

A radioatividade é um reino físico ainda desconhecido para o público em geral porque a extrema brevidade de eventos nucleares, massas e dimensões de partículas infinitesimais e suas velocidades próximas à da luz o tornam impossível com os sentidos humanos para detectar a radioatividade. O fenômeno, assim, permanece associado com um conceito de “perigoso” por não conseguirmos perceber a radiação sem o auxílio de equipamentos

Você já deve ter ouvido falar ou lido sobre os efeitos catastróficos da radiação em ambientes, em animais e em seres humanos. Um componente que age de forma aparentemente silenciosa e invisível, a radiação pode tornar as cidades ​​inteiras inabitáveis por centenas de anos, que que possa abrigar vida, por conta da radiação.

Mas você já se perguntou como será que deve ser observar a radiação?

MsmvIpj

Se você está curioso sobre o que realmente se parece a propagação da radiação, um grupo de pesquisadores do CloudyLabs elaboraram um vídeo mostrando um pequeno pedaço de mineral de urânio posicionado em uma câmara de nuvem – um recipiente de vidro selado com uma temperatura que pode chegar aos -40 °C (-40 °F) – cobertas com uma camada de álcool líquido, no processo de decomposição e emissão de radiação.

O vídeo do CloudyLabs explica exatamente o que você está vendo, “a maior parte do vapor se condensa na superfície do vidro criando uma névoa, porém uma pequena fração do que permanece na forma de vapor acima do condensador frio, cria uma camada de vapor saturado instável, que pode condensar em qualquer momento.

Quando uma partícula carregada atravessa este vapor, pode derrubar os elétrons das moléculas que formam íons. Isso faz com que o vapor de álcool instável para condensar em torno dos íons deixados para trás viajam como partículas ionizantes. A trajetória da partícula da matéria é então revelada por uma trilha composta de milhares de gotas de álcool. “

Você pode acompanhar o vídeo completo abaixo:

 

Via: IFLScience

Fundador e dono de todos os projetos da Climatologia Geográfica e Novo Cientista e redator/social media nos dois sites. Adoro viajar pelo mundo e desfrutar da natureza. Adicionem o perfil pessoal: https://www.facebook.com/IsaiasMarquesJunior

Comentários