Artigos científicos, notícias e muito mais.

Gatos matam mais de um milhão de pássaros todos os dias na Austrália

Com informações de ScienceAlert

Uma nova pesquisa realizada na Austrália estima que os gatos são responsáveis pela morte de mais de um milhão de pássaros todos dias no país. Combinando dados sobre a população felina do país, estatísticas sobre caça e distribuição espacial, a pesquisa descobriu que 377 milhões de pássaros morrem todos os anos na Austrália por conta da ação dos gatos.

Os gatos selvagens são um problema há mais de um século em território australiano, e já em 1906 se falava que a chegada desses animais no país poderia significar sérios empecilhos para as espécies nativas de pássaros da Austrália. Especialistas da época foram praticamente ignorados, e até hoje não se vê nenhum esforço realmente efetivo para lidar com o problema dos gatos.

Para chegar nos resultados finais, a pesquisa envolveu a análise de aproximadamente 100 estudos sobre a dieta dos gatos selvagens da Austrália, mostrando que cada gato come cerca de dois pássaros a cada cinco dias. Essas estatísticas, então, foram combinadas com a densidade populacional de gatos selvagens em território australiano.

A conclusão foi de que, em média, os gatos chegam a matar 272 milhões de pássaros por ano nas regiões de paisagens naturais da Austrália. Nas áreas mais áridas, no entanto, esse número é um pouco maior. Ao todo, a média alcançada foi de 377 milhões de pássaros mortos todos os anor por conta de ataques de gatos selvagens.

Espécies nativas em risco

O estudo descobriu que existem registros de 330 espécies de pássaros nativas da Austrália sofrendo com os ataques de gatos selvagens. Em regiões de paisagens naturais, 99% das mortes de aves relacionadas aos felinos são de aves nativas. Além disso 71 das 117 espécies em risco de extinção estão sendo caçadas pelos gatos.

Os pesquisadores dizem que seus resultados indicam que 3-4% das aves australianas são mortas todos os anos dessa forma, ainda que algumas espécies estejam sofrendo mais que outras. É possível afirmar, por exemplo, que os gatos já estão tendo maior impacto na população das aves australianas que os seres humanos.

Por conta dos números alarmantes, as autoridades australianas já realizam ações no sentido de controlar as populações de gatos selvagens, principalmente em locais com biodiversidade importante para a fauna do país. Além disso, os moradores do país estão sendo encorajados a não deixar seus gatos de estimação rondarem pelas ruas sozinhos, já que pouco a pouco as pessoas estão se conscientizando de que podem ajudar a evitar os números exacerbados de mortes de aves, controlando seus próprios gatos.

Comentários
Carregando...