Raros náutilos são encontrados na Papua Nova Guiné

Os náutilos são animais extremamente interessantes, e não é a toa que são chamados de ‘fósseis vivos’. Suas cascas aparecem em achados arqueológicos que remontam até 500 milhões de anos atrás – o que indica que esses animais sobreviveram duas das extinções em massa que o planeta Terra já passou. Entretanto, os náutilos são extremamente raros, e foram observados pela primeira vez em 30 anos apenas nesse verão, quando pesquisadores encontraram uma espécie chamada Allonautilus scrobiculatus na costa da Ilha de Ndrova, na Papua Nova Guiné.

Os Allunautilus foram descobertos em 1984, nessa mesma ilha, por Bruce Saunders, do Bryn Mawr College. Ele e Peter Ward, da Universidade de Washington, realizaram uma série de experimentos em espécimes coletadas, chegando à conclusão de que se tratava de uma nova espécie de náutilos. Desde então, esses animais foram avistados em 1986, e depois disso, apenas em julho desse ano, quando Ward retornou ao local para examinar as populações de náutilos.

nautilo

Para procurá-los, a equipe de Ward preparou uma armadilha. Carne de peixe e galinha foram suspensos cerca de 150 a 400 metros abaixo da superfície, e os arredores foram filmados por 12 horas. De acordo com o especialista, um grupo de 30 pessoas assistiam as gravações da noite anterior em uma velocidade de 8x.

Em uma das noites, as câmeras capturaram um representante dos Allonautilus se aproximando do petisco. Outro náutilo também chegou perto, e os dois brigaram até que um peixe-lua chegou. Os náutilos foram levados até a superfície, onde passaram por algumas análises, antes de voltarem à água.

Visto em IFFCG

Você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...